Life is Strange – O drama interativo que te vai pôr a refletir

Hey pessoal,
Há algumas semanas atrás joguei um videojogo sem saber nada sobre ele, só posso dizer que foi uma das melhores experiências que tive, é sensacional e promete agradar até mesmo aqueles que não suportam videojogos. Quem é que nunca pensou como poderia ser a nossa vida se no passado tomássemos uma decisão diferente? Imaginem onde estariam ou o que seriam agora se fossem estudar para uma escola/universidade diferente, se reagissem de outra forma perante alguém, etc… O jogo irá fazer com que reflitam imenso sobre isso.

Chama-se “Life is Strange” e conta a história de Maxine, uma estudante do ensino secundário apaixonada por fotografia e por cinema, ela descobre ter o poder de viajar no tempo e de mudar as suas decisões, isso irá ajudar Maxine a enfrentar problemas do quotidiano, no entanto cada escolha que fazemos tem sempre uma consequência para lidarmos.

Apesar do contexto de “viagens no tempo”, a narrativa é absolutamente real, apresenta-nos personagens complexas repletas de grande detalhe e confronta-nos com situações que todos nós já presenciámos em qualquer fase da nossa vida, mas o que torna tudo mais espetacular é que podemos moldar toda a história conforme as nossas decisões, tornando este videojogo numa espécie de filme interativo.
A banda sonora é fantástica, apostando num estilo alternativo, os gráficos são excelentes e quanto à jogabilidade também podemos controlar os diálogos, existindo um leque de opções que podemos responder quando alguém conversa connosco.
Eu não lucro financeiramente com o blog, toda esta publicidade que estou a fazer ao videojogo não é forçada. Acreditem que “Life Is Strange” merece ser jogado por todos vocês porque uma obra prima desta qualidade não deve permanecer desconhecida.

Contudo, nada é perfeito, “Life is Strange” também padece de dois pequenos problemas que é o facto de estar divido em formato de 5 episódios mensais (o que nos torna impacientes pelo lançamento do próximo episódio) e de não possuir legendas em português (para mim não se demonstrou um problema mas sei que existem outras pessoas que não dominam esta língua, contudo existem traduções portuguesas que podem ser descarregadas e utilizadas no videojogo).

Espero que joguem e que sobretudo se deixem fascinar por esta experiência diferente do habitual, depois deixem um comentário com a vossa opinião no blog ou na minha página do Facebook. 🙂

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s