Scream VS Scream Queens: Qual é a série mais horrível?

Olá pessoal,
Depois de várias semanas de ausência, decidi criar um post para analisar duas novas séries provavelmente conhecidas entre muitos de vocês, refiro-me a “Scream: Tv Series” da MTV e “Scream Queens”, a nova produção de Ryan Murphy, o autor de “Glee” e de “American Horror Story”. Estas produções destacam-se por possuírem um enredo similar, em que o espectador deve formular teorias para descobrir a identidade de um misterioso serial killer. São muito semelhantes, no entanto cada uma opta por seguir rumos e abordagens bastante opostos.

Continuar a ler

Unfriended – Crítica

No início do ano, o trailer sobre um filme de terror que se passava integralmente no ecrã de um computador, causou impacto nas redes sociais. Pessoalmente, como não é novidade, sou fã de filmes de terror, nomeadamente de obras que se apresentem com um conceito fresh, diferente e longe dos tradicionais clichés a que este género já nos habituou. Lembro-me de agendar o “Unfriended” no IMDB e de todas semanas procurar notícias acerca da data de estreia em território nacional, mas para minha frustração, nunca existiram indícios sobre a sua estreia cá, apesar de existir uma forte corrente de espectadores (nomeadamente jovens) ansiosos por o verem.

A trama desenrola-se em torno de Laura Barns, uma vítima de cyberbullying que se suicidou após um vídeo seu em que surgia bêbada e quase em estado de coma alcoólico se ter tornado viral. Um ano mais tarde, um grupo de amigos reúnem-se para uma conversa no Skype, no entanto eles começam a ser confrontados por um visitante estranho que se assume como Laura Barns, conhecendo todos os segredos dos amigos e prometendo vingar-se.
Penso que após sabermos um pouco sobre o enredo, é impossível não ficarmos indiferentes à alusão da temática sobre cyberbullying e claro sobre todo o mistério envolvente nesta videochamada.
Continuar a ler

Minions – Crítica

“Minions” ou “Mínimos” em Português é o spin-off ou prequela da série de filmes “Gru – O Maldisposto” que se concentra nos adoráveis e engraçados servidores do mal que buscam por alguém bastante maléfico para servirem.
Assisti com alguns amigos na noite de estreia, confesso que acho estes personagens amarelos engraçados, porém como não gostei nada de “Gru – O Maldisposto 2”, fui à sessão com expetativas medianas.
Continuar a ler

Jurassic World – Crítica

Oh My God! Começo a minha curta review com esta expressão de choque!

2015 é o ano dos blockbusters, foram lançados filmes significativos como “Fast Furious 7”, “Avengers 2”, “Mad Max: Fury Road”, “Jurassic World”, “Inside Out”, “Terminator Genisys”, “Ant Man” e no final do ano teremos a masterpiece “Star Wars VII”.

Das obras que visualizei, fiquei surpreendido e adorei o “Mad Max”, gostei do “Terminator”, apesar do trailer retirar um pouco do seu fator surpresa ao revelar o maior plot twist do filme, e odiei o “Avengers 2”.
Não tinha grande expetativas sobre “Jurassic World”, sobretudo porque não me lembrava do filme original e porque as reviews defendiam que era um filme ligeiramente interessante mas com cenas básicas como a sequela do “Avengers” (acreditem, eu odiei esse filme). No meio da enorme lista cinematográfica que tenho para ver, decidi oferecer uma oportunidade à sequela/reboot do famoso parque de dinossauros. Continuar a ler

Mad Max: Fury Road – Crítica

Olá pessoal, como podem observar tenho estado ausente do blog por motivos pessoais, mas irei regressar em Junho.

Ontem assisti ao filme que está na “boca do mundo” e senti vontade em escrever uma mini-crítica.
Em 2014 assisti ao primeiro teaser de “Mad Max: Fury Road” e pensei “oh my god, este filme vai ser do caraças”. O teaser causou-me vontade de ver o filme original de 1979 e confesso que essa obra me desiludiu imenso ao afirmar-se num filme datado e muito aquém das minhas expetativas. Após esta visualização e o surgimento de novos trailers da quarta entrada da saga que começaram a antever uma obra cada vez mais estranha no sentido do argumento se resumir a uma longa corrida, fui perdendo todo o hype perante esta estreia.
Na semana passada, começaram a surgir as primeiras reviews na internet. Foram imensos, os jornalistas, youtubers e bloggers que assistiram previamente e assumiram que “Mad Max: Fury Road” é um marco no cinema de ação, por isso decidi ir ao cinema para confirmar. Continuar a ler

Fifty Shades of Grey – Crítica 2

Olá a todos, o meu último post consistiu numa crítica ao “Fifty Shades of Grey”, entretanto jamais esperei que a minha apreciação ao filme fosse bastante difundida e discutida nas redes sociais. Por isso, decidi dar a oportunidade a uma grande amiga de expressar a sua opinião sobre o filme no meu blog. Apesar do blog ser na prática uma ferramenta para expressar a minha opinião e tudo o que sinto sobre alguma temática, considerei que devia dar uma oportunidade à cara Bárbara Franco de mostrar a sua opinião. Continuar a ler